Thumbnail

Eu confio nas escolhas que faço

 

Passando pelas fazendas e sítios, vemos muitas vezes os animais presos por cercas, arame farpado, vivendo condicionados a este ambiente por anos, simplesmente correndo de um canto a outro do cercado, comendo e bebendo, mas sempre presos. Agora se imaginarmos que muitas vezes estas cercas têm um metro de altura, e os cavalos são capazes de pular mais alto do que isto, por que eles não pulam?

Muitas vezes em nossas vidas temos a mesma sensação, estamos tão condicionados aqueles ambientes, àquela vida, que temos medos de pular, arriscar, seguir nossos sonhos, tomar nossas escolhas. Esperamos muitas vezes os outros tomarem a decisão por nós mesmos, acabando nunca tendo nossos gostos agradados, ou simplesmente esperando as coisas caírem do céu. 

Quando nos tornamos mais seguros de nós, sem a preocupação com o olhar ou a aprovação dos outros, vivemos mais nossa vida por nossos olhos, sem a grande preocupação do que os outros vão achar de nossas escolhas, mas simplesmente tomando as decisões que nos levam à nossa felicidade.

Os medos impostos durante nossas vidas nos limitam e também nos travam em busca de nossos projetos, pois temos medo de dar errado, medo de falhar, medo de faltar dinheiro, medo de perder tudo, medo de pecar, medo do novo, medo, medo e mais medo. E ao invés de darmos um passo para a frente, recuamos dois e nossa vida mais retrocede, do que avança. 

A felicidade completa depende sim das escolhas certas, mas se nunca fizermos escolhas, nunca chegaremos a ela. Errar faz parte do caminho, todos erram, mas o deixar de tentar, faz de nós perdedores de nossa própria vida. Tentar e arriscar em busca da felicidade, faz com que os erros sejam aprendizados, que auxiliam a subir os degraus que nos levam ao topo. Se aprendemos com os erros, estamos cada vez mais fortes para os próximos obstáculos, mas quando nunca tentamos, estamos fracos para cada passo. 

 

Dr. Ivan Bonaldo

Crefito 8/99696-F

Fisioterapeuta especialista em Microfisioterapia e Nova Medicina Germânica

Mais artigos nos sites:

www.ivanbonaldo.com.br

www.ativaterapias.com.br